Blog :: Xalingo

Dentes: 5 perguntas e respostas

post3

post3

A dentição e a saúde bucal dos pequenos são sempre uma preocupação para os pais. Por isso, selecionamos uma série de perguntas e respostas para esclarecer as principais dúvidas. Confira.

 

1. Levar o bebê ao dentista muito cedo pode aumentar seu risco de cáries?

Estudos apontam que crianças que vão ao dentista pela primeira vez aos 3 ou 4 anos tendem a necessitar de mais procedimentos dentários do que aquelas que começaram a frequentar o consultório precocemente. O ideal é levar seu bebê ao dentista após o primeiro aniversário ou cerca de seis meses após ter seu primeiro dente. Nessa primeira consulta, é provável que o bebê permaneça no seu colo enquanto o dentista examina a boca e verifica a saúde dos dentes, gengivas e língua da criança. Aproveite para tirar dúvidas sobre como cuidar bem dos dentinhos do seu filho desde cedo.

 

2. Por que é preciso cuidar dos dentes de leite do bebê, sendo que eles vão cair de qualquer jeito?

Cuidar bem dos primeiros dentinhos do bebê é fundamental, pois a saúde dele vai afetar o desenvolvimento dentes permanentes. Quando uma cárie num dente de leite não é tratada, as bactérias produzidas podem se alojar e afetar o dente permanente.

 

3. Posso deixar meu filho de 6 anos escovar os dentes sozinho?

A resposta é clara: Não! Por mais que seu filho insista ou faça birra, ele ainda não conseguirá fazer a limpeza adequada dos seus dentes sozinho. Isto deve ocorrer somente por volta dos 9 anos. Então, papais e mamães, reforcem os trabalhos de escovação dos dentes dos pequenos até esta idade e seguir monitorando depois.

 

4. É necessário passar fio dental nos dentinhos do bebê?

Caso seu filho tenha uma lacuna entre dois dentes, uma lavagem completa deve ser suficiente. Porém, se dois dentes se tocam, o fio dental é necessário sim, para remover completamente eventuais pedaços de comida ou início de placa bacteriana que uma escova de dentes não pode alcançar.

 

5. Os dentes permanentes do meu filho estão começando a nascer, mas os dentes de leite ainda não caíram. O que fazer?

Isto é bastante comum. Cerca de 30% das crianças tem seus dentes permanente nascendo, enquanto os de leite ainda não caíram. Se não causa dor para seu filho, estimule-o a mexer nos dentes de leite que estiverem balançando, para acelerar o processo de queda deles. Caso seu filho sinta dor ou os dentes de leite não estejam ainda dando sinal de cair, procure orientação médica.

 

 

 

Fonte: Pais & Filhos

               

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *